26/05/2014

0

CIRURGIA DO MARIDO - PARTE 2

BOM DIA MENINAS, EM PRIMEIRO LUGAR GOSTARIA DE AGRADECER A TODAS PELA FORÇA, PELAS ORAÇÕES, MAS A CIRURGIA DO MARIDO NÃO OCORREU NO DIA 24/05 (SÁBADO) CONFORME EU HAVIA POSTADO AQUI NA SEXTA-FEIRA DIA 23/05. 
MEU MARIDO ESTÁ COM CONJUNTIVITE, TODOS FORAM INFORMADOS. TANTO O MÉDICO GASTRO DELE QUANTO O CIRURGIÃO PLÁSTICO, AMBOS DISSERAM QUE NÃO HAVIA PROBLEMA ALGUM ELE SER OPERADO DESDE QUE O ANESTESISTA LIBERASSE. 

AQUI FUNCIONA DA SEGUINTE FORMA: A UNIMED TEM UM CENTRO DE ANESTESISTAS (QUE É UMA EQUIPE) NO QUAL A GENTE PASSA POR CONSULTA ANTES DA CIRURGIA COM QUALQUER UM DESSA EQUIPE E NO DIA DA CIRURGIA QUEM VAI TE ANESTESIAR É O ANESTESISTA DESSA  EQUIPE QUE ESTIVER DE PLANTÃO.  NA 5ª FEIRA MARIDO PASSOU PELA CONSULTA E RELATOU A CONJUNTIVITE E INFORMOU OS NOMES DE TODOS OS COLÍRIOS QUE ESTAVA USANDO E O ANESTESISTA MARCOU EM SUA FICHA APTO PARA CIRURGIA, BEM COMO PACIENTE RELATA CONJUNTIVITE E USO DE TAIS COLÍRIOS (DISCRIMINOU NA FICHA O NOME DE TODOS OS COLÍRIOS). 

NA SEXTA-FEIRA A NOITE DEMOS ENTRADA NA INTERNAÇÃO, JÁ NA RECEPÇÃO DO HOSPITAL COMENTAMOS COM A MOÇA QUE NOS ATENDEU SOBRE A CONJUNTIVITE, NENHUM PRONUNCIAMENTO, QUANDO O ENFERMEIRO VEIO BUSCÁ-LO PARA ACOMPANHAR ATÉ O QUARTO, COMENTAMOS DA CONJUNTIVITE E O ENFERMEIRO CHEGOU A FAZER A BRINCADEIRA DE MAL GOSTO QUE QUERIA PEGAR A CONJUNTIVITE PRA FICAR EM CASA 7 DIAS. COMO É QUARTO COLETIVO, DEIXEI-O LÁ E VOLTEI PRA CASA RETORNANDO NO DIA SEGUINTE ÀS 06H30 DA MANHÃ. ELE ESTAVA COM SORO DESDE SEXTA À NOITE, TOMOU UMA MEDICAÇÃO NA VEIA NO SÁBADO DE MANHÃ E POR VOLTA DAS OITO E MEIA A ENFERMEIRA FALOU PRA ELE SE ARRUMAR E JÁ FICAR PRONTO PRA QUANDO VIESSEM BUSCÁ-LO. ÀS 10H30 CHEGARAM PARA LEVÁ-LO AO CENTRO CIRÚRGICO E DERAM UM SEDATIVO PRA ELE TOMAR, NA SALA QUE ANTECEDE O CENTRO CIRÚRGICO UMA OUTRA ENFERMEIRA VEIO FAZER UM PRONTUÁRIO COM VÁRIOS QUESTIONAMENTOS E MEU MARIDO INFORMOU A ELA: OLHA HOJE EU FIZ USO DE TAIS MEDICAMENTOS E FALOU O NOME DOS COLÍRIOS, ELA VIROU E  PERGUNTOU O QUE ELE TINHA, ELE DISSE: CONJUNTIVITE, AH VOCÊ NÃO PODE OPERAR. EU DISSE A ELA, VEJA NO PRONTUÁRIO DELE QUE O ANESTESISTA LIBEROU, ELA OLHOU, SAIU DA SALA, DEPOIS RETORNOU E O LEVOU PARA O CENTRO CIRÚRGICO. OS MÉDICOS QUE IAM OPERÁ-LO JÁ ESTAVAM LÁ AGUARDANDO, CHEGARAM A TIRÁ-LO DA MACA, PASSAR PRA CAMA DO CENTRO CIRÚRGICO, LIGARAM OS APARELHOS, ATÉ QUE O ANESTESISTA DE PLANTÃO DISSE QUE NÃO IRIA ANESTESIÁ-LO E QUE A CIRURGIA ESTAVA CANCELADA POR CONTA DA CONJUNTIVITE. 

NESSE MEIO TEMPO ELE DORMIU, PORQUE ESTAVA SEDADO, QUANDO ACORDOU ACHOU QUE TINHA SONHADO QUE NÃO HAVIA SIDO OPERADO, E QUANDO PERCEBEU QUE NÃO ERA SONHO FICOU MUITO NERVOSO. ACALMAMOS ELE, PEDIMOS ALMOÇO, POIS ELE ESTAVA DE JEJUM DESDE ÀS 17H DE SEXTA E ISSO JÁ ERA 13H30 DE SÁBADO, ELE ACEITOU ALMOÇAR, PEGUEI A ALTA DELE, FIZ TODOS OS PROCEDIMENTOS E NO FINAL PERGUNTEI PRA ENFERMEIRA SE HAVIA ALGUMA ORIENTAÇÃO ELA ME RESPONDE QUE ELE PROCURE UM OFTALMO: GENTE NESSA HORA O SANGUE FERVEU... COMEÇARAM A TRATAR COMO SE NÓS TIVÉSSEMOS OMITIDO A CONJUNTIVITE...

EU MAIS QUE NINGUÉM ACREDITO QUE NADA É POR ACASO QUE TUDO TEM UM PORQUÊ, QUE NÃO ERA A HORA CERTA DA CIRURGIA, MAS ISSO NOS MOSTRA MAIS UMA VEZ A DURA REALIDADE DO DESCASO COM A SAÚDE NO BRASIL. A FALTA DE COMUNICAÇÃO DESSA EQUIPE DE ANESTESISTAS, O HOSPITAL DA UNIMED DE BAURU QUE NÃO FAZ UMA TRIAGEM ADEQUADA NOS PACIENTES ANTES DA INTERNAÇÃO, OS MÉDICOS DO MEU MARIDO QUE SABIAM QUE ELE ESTAVA COM UMA DOENÇA ALTAMENTE CONTAGIOSA E MESMO ASSIM O LIBERARAM PRA CIRURGIA E CÁ ENTRE NÓS, O QUE ELE TINHA QUE CONTAMINAR NO HOSPITAL ELE CONTAMINOU, UMA VEZ QUE ALÉM DA INTERNAÇÃO ELE ADENTROU O CENTRO CIRÚRGICO E A FALTA DE RESPEITO COM A GENTE, TODA A LOGÍSTICA QUE FIZEMOS COM AS CRIANÇAS, DE DEIXA COM A VÓ, VEIO A OUTRA VÓ DE OUTRA CIDADE PRA AJUDAR, O NERVOSISMO QUE PASSAMOS, MARIDO TAVA REALMENTE MUITO NERVOSO COM ESSA CIRURGIA E A ANGÚSTIA QUE PERMANECE POR NOVA DATA, NOVA INTERNAÇÃO, TUDO DE NOVO...É MUITA PALHAÇADA, MUITA FALTA DE HUMANIDADE DE TODOS OS LADOS. 

SABEMOS QUE NO FIM TUDO DARÁ CERTO, MAS PRECISAVA FAZER ESSE DESABAFO...A REALIDADE NUA E CRUA NÃO TEMOS SERVIÇOS DECENTES DE SAÚDE NA REDE PÚBLICA E MUITO MENOS NA REDE PRIVADA. PAGAMOS DUAS VEZES PRA PODER TER ACESSO A UM BOM ATENDIMENTO, A UM BOM SERVIÇO E NÃO TEMOS DE NENHUM DOS LADOS, ESTAMOS ÓRFÃOS DE TODAS AS PARTES... E SÓ DEUS MESMO PRA NOS AMPARAR. 

ASSIM QUE TIVER MAIS NOTÍCIAS VENHO CONTAR A VOCÊS. MAIS UMA VEZ MEU MUITO OBRIGADA. 

ABÇS,
LU